Paulon – Escritório de Advocacia tem êxito em 100% (cem por cento) das ações que envolvem medicamentos para portadores de Esclerose Múltipla.

Os portadores de esclerose múltipla que vêm ao escritório, na maioria dos casos através da APEMERJ buscando diversos medicamentos contra a doença que não são fornecidos pelo SUS. Ingressamos ações requerendo os medicamentos Fampyra, Fingolimode e o novo medicamento chamado Aubagio. Em todos os casos até o momento distribuídos conseguimos a liminar obrigando o Estado a fornecer o medicamento em poucos dias, sob pena de multa diária.” afirmou João Renato Paulon.